domingo, agosto 28, 2011

Minha casa, sua casa


Eu admiro tanto isso, você sempre tão focado nas suas prioridades, tão determinado. E eu aqui, tão focada em você. Prioridade nem sempre a gente escolhe, né ? Pensando bem, nisso a gente se parece, minha determinação também não é pouca. Muita gente no meu lugar já teria desistido. Mas sabe, acho que não é nem vontade que me falta, é força. Sabe quando você para pra pensar numa pessoa, e não entende como ela não fazia parte de você desse jeito antes ? E começa achar tudo que não envolve ela perda de tempo, seu passado perda de tempo. E não é mais a dona da própria casa, sem nem perceber, foi virando visita. Só que, aí é que mora o problema, ele também é só visita. E a casa fica assim, ás vezes tão vazia e precisando de vida, sabe ? Mas quando os dois resolvem visitar juntos, é como se não houvesse mundo do outro lado da porta. Então me diz, como eu posso trocar a fechadura, e acabar com os dias mais felizes que se tem por lá ? Como eu consigo essa coragem ? Se um dia você resolver se mudar, tudo bem, deixa as chaves no correio e me guarda no peito como eu guardo você. Mas nunca se esqueça: a casa é sempre sua.

3 comentários:

  1. ei, lindo seu blog =D

    to seguindo ele aqui, segue o meu tb? *-*

    www.foiporquerer.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, sou do blog http://deixa-me-ser-entao.blogspot.com/
    Adorei seu blog, e já estou seguindo.
    Beiijos :D

    ResponderExcluir
  3. Obg lindos ! Tô seguindo vcs, beeeijos.

    ResponderExcluir

Publicidade (juro que eu escolho com carinho):